Importar é realmente fácil ?

Bom dia, boa tarde, boa noite meu amigos.

A pergunta que sempre permanece em pauta é: o processo de importação é simples ou complicado?

Geralmente quem faz esta pergunta é sempre uma pessoa que nunca operou no mercado internacional e desconhece questões incidentes no processo tais como: desembaraço aduaneiro, composição do frete internacional, transporte internacional, tributação sobre a importação, entre outras questões pertinentes do processo. E digo mais, a pessoa que procura descobrir as facilidades do negócio internacional em sua maioria desconhece qual produto e de qual empresa pretende importar.

Vamos lá, um exemplo simples. Alguém procura ampliar seu comércio no Brasil importando produtos da China. Só que esta pessoa não sabe o que importar, nem por onde começar. Um belo dia ouviu falar que alguns produtos na China são viáveis para importação. Como sua área de atuação é brinquedos, e ele pretende inserir no mercado interno novidade para atrair o comprador, resolve importar “puzzle 3d”. Como achar um fornecedor? Como negociar o produto? Qual o tipo de pagamento? Como será feito o transporte da mercadoria até o Brasil?  Qual o tipo de tributação incidente na operação?

Realmente para que não detém mecanismos eficazes de pesquisa comercial, a simples tarefa de encontrar um fornecedor para o “puzzle” se torna tarefa árdua e complicada. Mas e você? Que nunca coordenou uma operação internacional, nunca fechou um câmbio, mal sabe o que é uma L.I e desconhece os impostos incidentes, como poderá chutar a bola e tentar acertar o gol?

Bom, não quero desanimar você que procura realizar uma operação internacional sem a ajuda de um profissional de comércio exterior. A melhor coisa é receber o auxílio, para que depois você caminhe com suas próprias pernas. Não quero mostrar o caminho das pedras, neste tópico quero apenas acender uma fagulha para que este horizonte sem fim possa ser desbravado por você.

A tarefa de pesquisa comercial inteligente é complexa e deve ser realizada de forma pormenorizada excluindo imperfeições e negócios incertos. Você pode utilizar o sistema Alice Web do governo brasileiro para conhecer um pouco mais deste universo dos negócios internacionais. Porém, percebo que muitas pessoas não tem paciência para pesquisar de forma inteligente e segura novos fornecedores, informações estatísticas preponderantes entre outros fatores que podem influenciar o negócio internacional.

Uma forma simples de conhecer novos produtos, fornecedores, e trocar informações sobre preço, produto, prazo de entrega, forma do transporte, incoterms que estará presente na negociação é por e-mail. O primeiro passo para você que mal sabe onde começa e termina uma operação internacional é acessar o site http://www.alibaba.com e pesquisar fotos, produtos, nome do fornecedor e descobrir o website oficial de quem fornece o produto.

O segundo passo é entrar em contato com o fornecedor solicitando uma apresentação da empresa (pdf ou ppt), tabela de preço, principais clientes e cases de sucesso de parceiros que mantém vínculo comercial com o mesmo. De posse dessas informações formalize um proforma e envie novamente negociando os preços. O sucesso de qualquer operação dependerá do sucesso de casa fase do processo, somente assim o Door-to-Door não necessitará de uma dipirona sódica para alivar possíveis dores de cabeça.

 

Uma resposta para Importar é realmente fácil ?

  1. Arthur disse:

    Só sabe o caminho das pedras aquele que por ali andou… Julgo que, nós brasileiros, temos uma cultura de desconfiança de produtos que vem de fora. Exceto no caso dos automóveis e eletrônicos, parecemos dividir os produtos importados em duas categorias: os caros (quem vem dos EUA ou Europa) e as porcarias (China, Taiwan, etc.). É verdade que fomos acomodados por uma política de mercado fechado até os anos 90. Acredito que essa seja o grande motivo do nosso atraso, estamos engatinhando no comércio internacional se comparados ao resto do mundo. Ficamos fitando o mercado interno, enquanto há “um mundo” de possibilidades para explorar. Parece até que nunca conseguimos exergar nossas vantagens competitivas! Abraço.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: